Medicina Ortopedica de Cyriax – O Método Cyriax

Desenvolvido pelo médico ortopedista Dr. James H. Cyriax ( 1904 – 1985) enfoca a combinação de inspeção, anamnese, exame funcional, palpação, diagnóstico, diagnóstico diferencial e diferentes tipos de técnicas de tratamento dos tecidos moles do sistema músculo-esquelético, tais como massagem de fricção, a mobilização, a infiltração, a injeção, a tração e manipulação.

Ao longo de sua vida Dr. Cyriax dedicou-se ao exame e tratamento conservador de lesões ortopédicas de tecidos moles.

Elaborou um método de diagnóstico que por sua simplicidade é considerado genial por muitos,  baseado na história e exame clínico, em torno da função dos tecidos moles.

Enquanto trabalhava no sentido de aperfeiçoar e comprovar o método ele observou e descobriu inumeras alterações do sistema locomotor, até então não observadas. A partir destes estudos ele propôs um tratamento local, eficaz e economico.

Depois de 13 longos anos, se deparando com lesões do sistema músculo esquelético que não eram diagnosticadas pelos exames de imagem, em 1942 ao fazer a seguinte anotação:  ” Movimentos ativos testam: articulções e músculos, movimentos passivos testam: articulações,  e movimentos resistidos testam somente múculos”, chegou a sua principal ferramenta de avaliação.

A partir disso desenvolveu a idéia de tensionamento seletivo a fim de isolar o músculo envolvido na lesão.

Identificou também o padrão capsular parcial que seria uma espécie de padrão de movimento intra articular que envolvia dor e restrição. Diferentemente do padrão capsular que corresponderia ao padrão da inflamação da capsula articular.

Anos depois de 1944 apos acreditar ter inflitrado a dura mater de um policial acamado por dias com dor lombar chegou ao conceito de dor extra segmentar, quadro dor referida que seria atribuída a dura mater.

Descreveu 03 padrões onde a dor pode surgir em diferentes momentos em relação a resistencia capsular:

1) Antes da resistencia = lesão inflamatória aguda articular ou extra articula;

2)Simultanea a resistencia = processo inflamatório subagudo;

3)Resistencia antes da dor = lesão branda ou crônica;

Observou também, diferentes sensações terminais consideradas anormais ou patologicas:

1) Espasmo muscular;

2) Pastosa; 

3) elástica;

4) Vazia;

5) capsular;

6) Bloquio ósseo;

7) Lassidez;

Avaliou os tecidos moles através de movimentos ativos, passivos, ativos e passivos combinados e resistidos. Pontou os graus de força muscular.

Classificou também os tecidos como inertes ( dor por força externa passiva) e contráteis ( provocam dor no movimento ativo e resistido e alongamento passivo) e suas reações aos tipos de movimento.

O movimento resistido (exatamente no ponto médio da amplitude articular) também auxilia na caracterização de reatividade tissular. sendo assim existem 04 padroes de dor e força:

1) Doloroso e forte = lesão de menor importancia

2) Indolor e fraco = lesão neurologica ou ruptura miotendinea

3) Doloroso e fraco =

4) Indolor e Forte = padrão normal.

Utilizava-se também da definição dos padrões capsulares (caracteristica de restrição de movimento após um processo inflamtorio articular) e não capsulares ( aderencias ligamentares aleatoria, encurtamentos musculares) de restrição dos movimentos .

Seguem alguns videos que ilustram o método:

Dr. Cyriax foi extremamente visionário e genial e como todos os genios sofreu com suas observações, teve grandes dificuldades para publicar seu primeiro livro, foi mal visto por seus colegas por muitos anos, mas apesar de todas as dificuldades não desistiu.

Carpe Diem,

IP.

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s